• webelosocial

O SURGIMENTO DO SINDETAP em agosto de 2003


Em agosto de 2.003 um grupo de decoradores e tapeceiros, cansados de serem descriminados pelo comércio e desrespeitados pelas indústrias passarão a se reunir na busca se organizarem para juntos buscarem pelas categorias, tudo aquilo que as outras categorias já tinham conquistado.


A classe dos tapeceiros é a única que tem a obrigação de comprar a vista e vender a prazo. É a única que paga por seus materiais o mesmo valor que é pago pelos seus clientes, fato que não ocorre com as outras categorias.


É a única que não tem uma credencia, não tem sequer um código de atividade para abertura de suas empresas. É uma das poucas que não tem nem piso salarial, insalubridades, política trabalhista diferenciada dentre outras vantagens inexistentes por falta de regulamentação e de representação.


Ainda no ano de 2.003 surgia a ARCOTASP que passou a defender a categoria, mas com muita pouca expressividade visto que na qualidade de associação pouca coisa poderia fazer.


Com mais de 10 anos de luta finalmente no dia 31/12/12 esta associação viria a se transformar no SINDETAP – Sindicato Nacional dos Decoradores e Tapeceiros.


Foram muitas reuniões e barreiras enfrentadas vez que já na época o SINDETAP, nascia com uma nova visão de sindicato e porque não dizer uma velha visão, já que, com o passar dos anos as classes sindicais se divorciaram dos objetivos iniciais para enveredarem em uma passagem de ida sem volta para o lado político, ocasião em que se esqueceram completamente de atuarem na defesa da categoria para atuarem única e exclusivamente como braços políticos dos grandes partidos.

1 visualização

Instituição responsável: SINDETAP - Sindicato Nacional dos Decoradores e Tapeceiros

Diretoria de implantação de projeto: Rua Cecília Bonilha ,145

São Paulo (Capital) - Telefone: +55 (11) 2528-8085

"Movimento Passando o Brasil a Limpo".

© 2019 - Todos os Direitos Reservados